Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Acadêmico

IFG implanta diploma digital a partir de agora para os cursos de graduação

Publicado: Domingo, 29 de Novembro de -0001, 21h00 | Última atualização em Segunda, 29 de Agosto de 2022, 09h01

Até o momento, foram expedidos 300 documentos 

Expedição de diploma digital no IFG já é realidade
Expedição de diploma digital no IFG já é realidade

A partir deste mês, os formandos do Instituto Federal de Goiás (IFG) receberão seu diploma em formato digital. A novidade vale para os estudantes que colaram grau a partir de janeiro de 2022 em todos os câmpus da Instituição, mas os documentos já emitidos anteriormente continuam valendo normalmente. Com isso, o aluno não precisa mais solicitar seu diploma, pois após a colação, a emissão será feita automaticamente.

Outra novidade é que, agora, a emissão dos diplomas é realizada nos câmpus, pela Coordenação de Registros Acadêmicos e Escolares (Corae), e o Registro, na Reitoria. Entre os principais benefícios desse novo formato estão a redução dos custos financeiros com a compra de papel-moeda e selos e a impressão; redução dos custos ambientais e operacionais relacionados à entrega dos diplomas nos câmpus; desburocratização do processo; diminuição de fraudes em diplomas e registros acadêmicos; melhoria no planejamento das atividades pelos setores envolvidos, facilidade para acompanhamento do processo de registro e emissão dos diplomas; eliminação de perdas, extravios e destruições indevidas; além de facilitar a gestão e a possibilidade de melhoria dos processos de certificação e atendimento à legislação.

O IFG também disponibilizou uma página eletrônica (https://ifg.edu.br/diplomadigital) com todas as informações pertinentes ao diploma digital, com perguntas frequentes, campo para verificação da validade do documento, pois este é emitido com um QR Code; além dos documentos já emitidos sobre o assunto, como portarias e resoluções.

Segundo a Reitora do IFG, Oneida Cristina Barcelos Irigon, “Por determinação do MEC (portaria nº 554 de 11 e março de 2019), agora todos os diplomas de graduação deverão ser emitidos e registrados por meio eletrônico. A portaria foi mais um passo na longa jornada de transformação digital que o nosso sistema de educação tem passado. A expectativa com o documento eletrônico é dar celeridade e inibir fraudes na apresentação dos diplomas na graduação”, afirma a gestora, que complementa: “Até hoje, o diploma no IFG tem sido emitido no formato impresso. A partir de agora, o documento vai ganhar uma alternativa digital. Fico muito feliz, por fazer parte desse processo, pois os ganhos são inúmeros, mas especialmente no sentido de termos uma rotina educacional ágil, desburocratizada e inovadora em que nossos estudantes/concluintes não ficarão mais aguardando um longo prazo para receber seus diplomas e inserirem no mundo do trabalho”, finaliza.

 

Acesso

O estudante que se formar vai acessar seu diploma por meio de um link e com um código pessoal: http://academicoweb.ifg.edu.br/webapp/public/consultar-diplomas . Neste link, o aluno poderá fazer o download do seu diploma, gerando a representação visual e com o QR Code de validação. Segundo o diretor de Gestão Acadêmica, Vinícius Sousa Ferreira, “o diploma deve ter seus dados de expedição e registros publicados no DOU para finalização do processo no sistema de gestão acadêmica do IFG e só depois ser disponibilizado ao aluno”, finaliza.

O diretor informa ainda que a Corae dos câmpus é o setor responsável por enviar ao formando o código de acesso ao diploma, por e-mail. Ele afirma que é preciso que o estudante fique atento ao e-mail cadastrado no sistema de gestão acadêmica do IFG, aquele cadastrado no ato da matrícula, pois este será usado para recebimento do código. “Antes da colação é preciso que o estudante confira se não perdeu o acesso ao e-mail cadastrado ou atualizar essa informação no sistema”, diz. A expectativa de Vinícius, com esse novo formato digital, é que a entrega dos diplomas possa ser mais rápida, com a redução do prazo estipulado por lei, que é de até 120 dias.

 

Diretoria de Comunicação Social/Reitoria

Fim do conteúdo da página