Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Empreendedorismo

IFG divulga cartilha sobre Empresa Júnior

O guia tem como objetivo esclarecer o que são essas empresas, como funcionam e como podem ser reconhecidas pela Instituição

  • Criado: Quinta, 11 de Fevereiro de 2021, 17h29
  • Última atualização em Sexta, 26 de Fevereiro de 2021, 16h56
imagem sem descrição.

Você sabe o que é uma empresa júnior? Conhece os passos para criar uma empresa assim? Pensando nessas e em outras dúvidas, o Instituto Federal de Goiás, por meio da Pró-Reitoria de Extensão (Proex), publicou uma cartilha sobre o tema. Nela, são apresentadas informações a respeito do que são empresas juniores, como funcionam e quem pode criá-las, entre outras questões. O material pode ser acessado aqui. Além da cartilha, os interessados podem, também, conferir os documentos normativos que respaldam esse empreendimento no âmbito da Instituição. 

Intitulada Empresa Júnior: conceito, reconhecimento e funcionamento, a cartilha foi elaborada pela Diretoria de Ações Profissionais e Tecnológicas (DAPT) da Proex, em parceria com a Diretoria de Comunicação Social (Dicom). O material, como destaca Lillian Pascoa Alves, diretora de Ações Profissionais e Tecnológicas, tem como objetivo esclarecer, de forma mais didática, os estudantes da Instituição que tenham interesse em criar e ter sua empresa júnior reconhecida pelo IFG.

Essa ideia de um material que esclarecesse de forma didática foi um elemento priorizado no projeto gráfico da cartilha. Com o objetivo de apresentar um material de rápida e fácil compreensão, foi feito um guia com uma linguagem clara, objetiva e direta, visando facilitar o entendimento do público-alvo. A paleta de cores utilizada, segundo a programadora visual Michele Jussara Bagestão, servidora responsável pelo projeto visual do material, é moderna, relacionada à linguagem digital e faz referência ao IFG, além de complementar a paleta adotada em 2019 em outro material instrucional da Proex.

 

Conceito e documentos normativos 

De acordo com Lillian Pascoa, a cartilha surgiu da necessidade que os próprios estudantes do IFG apresentaram para a Pró-Reitoria de Extensão. Nas palavras da diretora, “a partir das reuniões sobre empresa júnior nos câmpus do IFG e até mesmo dos e-mails que recebemos, com as dúvidas frequentes apresentadas, fomos elaborando o documento”. 

A cartilha é fundamentada em dois documentos principais: a Resolução CONSUP/IFG nº  31, de 27 de outubro de 2020, que é responsável por aprovar as normas e diretrizes que regem  a criação, o reconhecimento e o funcionamento das empresas juniores no âmbito do IFG, e a Instrução Normativa nº 2/2020, de 10 de novembro de 2020, que estabelece as normas e as orientações quanto ao fluxo administrativo referente ao processo de reconhecimento da empresa júnior pelo IFG.

De acordo com a Resolução nº 31, as “empresas juniores são conceituadas como entidades organizadas sob a forma de associações civis, sem fins lucrativos, inscritas no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica – CNPJ”. Nesse sentido, a resolução esclarece um ponto importante: essas empresas, no âmbito da Instituição, devem ser criadas, constituídas e geridas, exclusivamente, por estudantes regularmente matriculados nos cursos de graduação do IFG. 

Ainda segundo o documento, as empresas devem ser formalmente reconhecidas pela Instituição, com o propósito de realizar projetos e serviços para empresas, entidades e sociedade em geral. Além disso, esses empreendimentos devem contribuir com o desenvolvimento acadêmico e profissional dos estudantes, capacitando-os para o mundo do trabalho, contribuindo também com o desenvolvimento econômico e social da região onde se instalarem.

 

Reconhecimento

Segundo a Proex, os interessados em abrir uma empresa júnior devem iniciar um processo para o reconhecimento desse empreendimento, que é composto por duas etapas. A primeira diz respeito à criação em si da empresa; a segunda se relaciona ao reconhecimento pelo IFG. Lillian Pascoa esclarece que, “em caso de dúvida sobre esse processo de reconhecimento, os estudantes e servidores podem procurar a Gerência de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão no seu câmpus e a Diretoria de Ações Profissionais e Tecnológicas da Pró-Reitoria de Extensão”. O e-mail para contato é dapt@ifg.edu.br .

A diretora também pontua que a DAPT está, também, integrada às atividades do Centro de Referência em Pesquisa e Inovação (CiteLAB), por meio da Divisão de Empreendedorismo e Tecnologias Sociais. Lillian, nesse sentido, destaca que “nessa divisão, teremos um escritório de apoio às empresas juniores do IFG”.

 

Clique aqui e confira a cartilha Empresa Júnior

Acesse também outros documentos sobre o assunto.

 

 

Diretoria de Comunicação Social / Reitoria.

Fim do conteúdo da página