Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Ensino

Calendários acadêmicos 2021 dos câmpus do IFG são publicados

Documentos foram aprovados em reunião do Consup e podem ser conferidos na página da Pró-Reitoria de Ensino

  • Criado: Terça, 09 de Março de 2021, 16h13
  • Última atualização em Terça, 13 de Abril de 2021, 16h31
imagem sem descrição.

Foram publicados nesta terça-feira, 9 de março, os calendários acadêmicos do ano de 2021 do Instituto Federal de Goiás (IFG). Os documentos foram aprovados na reunião realizada pelo Conselho Superior (Consup) da Instituição na segunda-feira, 8 de março. Os documentos divididos por câmpus podem ser conferidos na página da Pró-Reitoria de Ensino (Proen) – clique aqui e acesse.

Nos documentos publicados, estão previstos, além de dados sobre o início do período letivo, feriados municipais, matrícula de aprovados em processos seletivos, os prazos para lançamento de notas no Sistema Acadêmico, o período de renovação de matrícula dos veteranos dos cursos superiores, os períodos de trancamento e reabertura de matrícula, a Semana Pedagógica e outras datas importantes para a comunidade acadêmica.

Além da aprovação dos calendários, na reunião do Conselho Superior foram discutidas outras pautas. Contudo, por problemas de internet na Reitoria, a transmissão que estava sendo realizada pelo perfil institucional do YouTube do IFG foi interrompida. Uma nova reunião para dar continuidade às discussões das pautas que estavam previstas será realizada no dia 29 de março.

 

Calendários Acadêmicos 2021

Antes do início da apreciação por parte do Conselho Superior da pauta envolvendo os calendários acadêmicos, o reitor do IFG, professor Jerônimo Rodrigues da Silva, destacou como são feitos esses documentos: “os calendários acadêmicos são construídos nos câmpus, passam por uma aprovação oficial do Conselho de Câmpus e depois são devolvidos para a Pró-Reitoria de Ensino, que analisa os dados técnicos e outros. Só depois disso, o documento é enviado para aprovação no Conselho Superior”, pontuou o reitor.

Segundo a professora Oneida Irigon, pró-reitora de Ensino do IFG, “a elaboração da proposta de calendário acadêmico precisa contar com a participação da comunidade acadêmica, e a Proen, nesse sentido, sempre tem a preocupação de orientar, para que a construção dos calendários seja feita da forma mais coletiva possível nos câmpus”.

Ao longo da apreciação na reunião do Consup, o professor Reinaldo Reis, diretor-geral do Câmpus Luziânia e responsável por apresentar o parecer técnico referente aos documentos dos câmpus, chamou atenção para o fato de que os calendários passaram pela tramitação necessária, foram revisados e devidamente aprovados. Os documentos podem ser acessados  aqui.

 

Manutenção do Ensino Remoto Emergencial 

Com a decisão do Consup, junto com os calendários acadêmicos dos câmpus, foi aprovada também a continuidade das aulas via ensino remoto emergencial devido ao agravamento da Covid-19. Sobre essa questão, o Comitê Operativo de Emergência do IFG, considerando essa situação de agravamento, solicitou por meio de uma Carta Aberta que o Conselho Superior autorizasse a manutenção das atividades administrativas e acadêmicas de forma remota, algo que foi acatado pelo Consup. A carta do Comitê pode ser acessada aqui.

Diante do agravamento da pandemia e da decisão da manutenção do ensino remoto, a pró-reitora de Ensino, professora Oneida Irigon, ressaltou: “as nossas expectativas é de que, assim que o cenário mudar e as condições melhorarem, possamos voltar para a nossa realidade presencial gradualmente. Por agora, no entanto, isso não é possível. Prezamos pela vida, e este é o nosso maior critério: o respeito à vida humana, o respeito aos nossos estudantes, aos nossos servidores e à nossa comunidade. Esse respeito é fundamental”.

A gestora da área de Ensino esclareceu ainda que “a Instituição está envidando todos os esforços para ofertar um ensino remoto de qualidade socialmente referenciada: são muitos desafios, mas vamos continuar buscando a melhor forma possível de ofertar o ensino remoto enquanto essa situação não muda”.

 

Questão orçamentária e outras pautas na reunião do Conselho Superior

Além da discussão e aprovação dos calendários acadêmicos, um assunto importante no início da reunião do Consup foi a questão orçamentária da Instituição. Segundo o reitor do IFG, a situação financeira para as instituições federais é complicada: “não só do IFG, mas de toda a Rede Federal”.  Para entender melhor essa questão, acesse a nota pública sobre o orçamento do IFG.

O professor Elias Monteiro, reitor do Instituto Federal Goiano (IF Goiano), que é vice-presidente de Assuntos Administrativos da nova gestão do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), participou da reunião do Consup e foi convidado a falar sobre o assunto. Monteiro ressaltou que o país atravessa uma crise e pontuou que o Conif está buscando viabilizar espaços de discussão para tentar recompor o orçamento da área de educação. Segundo o gestor do IF Goiano, “as instituições de ensino não podem abrir mão de investimentos, porque elas se colocam como parceiras nesse enfrentamento.”

Um outro informe importante feito na reunião do Conselho Superior diz respeito à deflagração do processo de escolha do novo reitor. Segundo Jerônimo, na próxima reunião do Consup será deflagrado o início do processo eleitoral, além disso será apresentado o relatório de gestão.

Na reunião do Conselho Superior desta segunda-feira, além de ter sido homologada a Ata da 67ª Reunião do Consup, foram aprovadas duas resoluções, e uma delas traz a autorização para um novo curso na modalidade EJA no Câmpus Goiânia: Desenvolvimento de Sistemas.

Ficam para a próxima reunião as discussões a respeito das seguintes pautas:  Minuta da Política de Comunicação do IFG;  Minuta da Política de Internacionalização do IFG;  PPC do curso de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática (Câmpus Uruaçu);  Proposta de curso de Pós-Graduação em Educação Direitos e Cidadania (Câmpus Uruaçu); Criação de curso de Pós-Graduação em Docência na Educação Básica e Profissional (Câmpus Inhumas); Criação de curso de Pós-Graduação em Inteligência Artificial Aplicada (Câmpus Goiânia); Encaminhamento para os trabalhos de sistematização do Regimento Geral do IFG.

 

 Acesse aqui os calendários acadêmicos do IFG.  

 

Diretoria de Comunicação Social/ Reitoria.

 

Fim do conteúdo da página