Congresso Institucional

  • Imprimir
Criado: Quinta, 19 de Outubro de 2017, 11h42 | Última atualização em Sexta, 14 de Setembro de 2018, 11h47

Avisos da Comissão Central Sistematizadora

A realização do Congresso Institucional se aproxima e, por isso, a Comissão Central utilizará esse espaço para divulgar avisos direcionados à comunidade acadêmica como um todo, em especial aos delegados. Fique atento! 

Chegada dos delegados - Fase II do Congresso Institucional

Substituição de Delegados

Encaminhamento do Estatuto

Nota de repúdio

Orientações Gerais aos Delegados

Uso do estacionamento do Mutirama pelos Delegados

 

 

Chegada dos delegados - Fase II do Congresso Institucional

O deslocamento dos delegados oriundos de municípios fora da Região Metropolitana de Goiânia ocorrerá no período das 8h às 12h, conforme organização local, a depender da distância do município da capital.

É imprescindível que todos os delegados se apresentem no local de relização do evento (Umuarama Plaza Hotel) até às 12h para que seja servido o almoço. 

Todos os delegados tem direito de almoçar no hotel durante os 03 dias de evento. Os delegados hospedados terão as 03 refeições no hotel durante o evento.

 

 

Substituição de Delegados

Em 27/08/2018 

A CCS informa que os Delegados titulares poderão ser substituídos por delegados suplentes já escolhidos pelas Comissões Locais, nos casos de Licenças, Afastamentos e Vacâncias dos titulares, conforme estabelece a Lei 8.112/1.990, quando devidamente comprovados pela Comissão Local de Organização (CLO), sendo que casos excepcionais serão avaliados pela própria Comissão Central Sistematizadora (CCS). No caso dos delegados discentes, por analogia, poderão ser substituídos pelos delegados suplentes aqueles que perderam o vínculo com a instituição e aqueles que estiverem formalmente afastados de suas atividades acadêmicas. Importante ressaltar que: não haverá substituição de delegados na Fase II do Congresso que concluirá os trabalhos relativos ao Projeto Político Pedagógico Institucional-PPPI, já iniciado durante a Fase I do Congresso; qualquer substituição deverá ser feita até o dia do início de cada nova fase do Congresso; somente poderão atuar como delegados na Fase V do Congresso (Plenária do Plano de Desenvolvimento Institucional) os delegados que atuaram nos debates de seus respectivos Grupos Temáticos de Trabalho Geral (GTTG), nas fases III e IV do Congresso Institucional.

Estatuto

Em 20/07/2018  

A Comissão Central Sistematizadora informa que o novo Estatuto do IFG, construído coletivamente a partir das votações ocorridas no Congresso Institucional já teve as propostas aprovadas sistematizadas e encaminhada para análise da Procuradoria Federal, quanto à legalidade. A tramitação se dará a partir do processo de nº 23372.000428/2018-67 cujo andamento pode ser consultado pelo SUAP.

Nota de Repúdio

Em 29/06/2018  

Acesse o teor da Nota de Repúdio aprovada em plenária do Congresso Institucional do Instituto Federal de Goiás.

  

Orientações Gerais aos Delegados

Em 24/06/2018
 

Cara(o) Delegada(o) bom dia. Agradecemos pela sua disponibilidade em participar conosco deste momento tão importante para o IFG. Este evento é o coroamento de meses de trabalho de várias pessoas, e agradecemos muito por se juntar a nós neste esforço de debater os rumos de nossa instituição.
Caso exista algo que possa ser feito para melhorar o andamento do Congresso, por gentileza procure alguém da nossa equipe (camiseta verde da organização) ou através do telefone (62) 99154-3525.
A CCS criou um ambiente on line onde estão publicadas todas as informações relacionadas ao evento, inclusive com uma aba de “Avisos Gerais” atualizados diariamente. Tudo disponível em www.ifg.edu.br/congressoinstitucional.

A CCS preparou este informe com o objetivo de apresentar algumas questões importantes para o bom andamento do Congresso, conforme estabelecido na Resolução CONSUP-IFG 45/2017:

1. Delegados somente poderão ser substituídos por seus suplentes até às 13h do dia 25/06 (segunda), caso algum delegado deixe o congresso após este momento ele não poderá ser substituído;
2. Algumas propostas encaminhadas para a CCS foram reencaminhadas para outras instâncias pelos seguintes motivos: a) Tratava-se de proposta de cunho local e por isto foram encaminhadas para as unidades de origem; b) Buscavam alterar resoluções em vigor e por isto foram encaminhadas para a Secretaria do CONSUP; c) Buscavam alterar questões para as quais o IFG não possui competência para atuar; d) Tratavam de questões relacionadas ao Regimento Geral;
3. Conforme definido pelo CONSUP, a Câmara Consultiva de Desenvolvimento Institucional, Gestão de Pessoas e Integração (CCDIGPI) do Conselho Superior, retomará o debate do Regimento Geral do IFG imediatamente após a aprovação do Estatuto do IFG;
4. O IFG optou por uma metodologia que valoriza a participação de toda a comunidade, o que gerou centenas de propostas a se analisar. Considerando que a metodologia não pretendeu limitar a quantidade de intervenções, pedimos que, dentro do possível, os delegados sejam objetivos em suas intervenções;
5. Qualquer ajuste de proposta realizada a partir dos debates deverá, obrigatoriamente, estar diretamente vinculada às proposições constantes no respectivo Caderno Geral de Propostas;
6. Os dois primeiros cadernos, Estatuto e PPPI, por seu caráter multitemático, serão debatidos por toda a Plenária;
7. Os 04 cadernos do PDI (Ensino, Extensão, Gestão e Pesquisa) serão inicialmente debatidos nos Grupos Temáticos de Trabalho Geral (GTTG), que visam a examinar, discutir, aprofundar e aprovar as propostas contidas naqueles Cadernos de Propostas;
8. O delegado somente poderá participar dos debates e votações do GTTG no qual está inscrito;
9. As propostas que serão dirigidas dos GTTG às sessões plenárias, deverão ter obtido 1/3 ou mais de votos nos processos de votação do GTTG;
10. A votação nos GTTG e nas sessões plenárias será realizada a partir da apresentação dos Crachás;
11. Toda deliberação nas Plenárias será tomada por maioria simples dos delegados presentes;
12. Só poderão permanecer em Plenário os delegados, os observadores e a equipe técnica;
13. Para que mais pessoas possam fazer o uso da palavra, as falas terão no máximo 3 minutos;
14. Caso o orador decida ceder um “a parte” para outro orador, ele cederá 1 minuto de sua fala;
15. Questões de ordem somente podem ser solicitadas quando a ordem do debate for quebrada, mudando o foco do debate, ou deixando de seguir o regramento pré-estabelecido;
16. Questões de encaminhamento somente podem ser solicitadas quando o proponente tiver uma proposta de encaminhamento conclusivo a ser apresentado à mesa;
17. Questões de esclarecimento somente podem ser apresentadas quando o proponente precisar ser esclarecido de algo, caso ele queira esclarecer algo, ele precisa inscrever-se;
18. Direito de resposta somente pode ser solicitado se o delegado for manifestadamente citado de forma ofensiva;
19. Somente pode solicitar “declaração de voto” os delegados que se abstiverem na votação;
20. Os recursos de votação devem ser encaminhados às Mesas Diretoras, por escrito e devidamente fundamentados, e, após serem analisados, caso julgados procedentes, serão submetidos à plenária;
21. O Regimento do Congresso Institucional foi aprovado pelo Conselho Superior do IFG através da Resolução CONSUP/IFG 45/2017 e está disponível em: http://www.ifg.edu.br/attachments/article /209/Resolu%C3%A7%C3%A3o%2045%202017.pdf

Que todos tenham um excelente congresso e que o debate de ideias faça do IFG uma instituição cada vez maior, mais democrática e mais inclusiva.

 

Uso do estacionamento do Mutirama pelos Delegados

em 18/06/2018

O Congresso Institucional contará com 259 delegados, sendo 120 lotados em unidades que compõem a Região Metropolitana de Goiânia e infelizmente não foi possível garantir vagas de estacionamento no hotel do evento para estes delegados, razão pela qual solicitamos que cada unidade avaliasse a possiblidade de providenciar transporte para seus delegados.

Ainda assim, considerando que o hotel fica a 950 metros do Câmpus Goiânia, acreditamos que alguns delegados servidores desejem estacionar seus veículos no estacionamento do Câmpus Goiânia no período do evento.

Desta forma, a CCS solicitou ao Câmpus Goiânia que autorizasse o uso do estacionamento do Câmpus Goiânia durante o período do Congresso pelos delegados, quando identificados pelo Crachá do Congresso.

O Câmpus respondeu a CCS através do Memorando 206/2018/DG GOIANIA, informando que o Câmpus possui convênio firmado com o Parque Mutirama que permite que os servidores usem seu estacionamento, e que tal liberação será ampliada para os Delegados do Congresso Institucional que manifestarem este interesse.

Informou ainda que os delegados deverão apresentar o crachá do Congresso na entrada do estacionamento, que o estacionamento funciona entre 7h e 18h e que a entrada do estacionamento está situada na Avenida Contorno em frente o Teatro Madre Esperança Garrido.

Certos de que estamos “construindo o futuro do IFG” nos colocamos à disposição.


 

Previsto no Art. 14 da Lei nº 11.892/2008, o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) é um instrumento de Planejamento e Gestão que deve, a luz das reflexões institucionais previstas no Estatuto da Instituição, estabelecer os objetivos e as metas institucionais, além de definir as ações estratégicas que devem ser desenvolvidas dentro de um horizonte de 05 (cinco) anos, a partir dos anseios da comunidade acadêmica.

 Ainda de acordo com a Lei nº 11.892/2008, a participação da comunidade acadêmica deve ser assegurada na construção desse documento; entretanto, independente da determinação legal e considerando a importância do documento na vida da Instituição, a participação de todos em sua construção é condição fundamental para que este se torne um guia para a gestão e para a comunidade como um todo; a comunidade deve, portanto, acompanhar o desenvolvimento das ações estratégicas e avaliar se estas ações vão ao encontro de seus interesses expressos por meio do PDI.

Entre outubro/2017 e novembro/2018 o IFG estará imerso nesse debate, aproveitando a oportunidade para construir o PDI 2018/2022, para discutir o Estatuto do IFG, (instrumento que define a Instituição a partir do reconhecimento de suas finalidades, características e objetivos), para rever o Projeto Político Pedagógico Institucional - PPPI, (que deve ser apensado ao PDI), e para estabelecer uma agenda de debates sobre o Regimento Geral do IFG que ocorrerá durante o ano de 2018. De modo semelhante à construção do PDI, as discussões sobre Regimento Geral do IFG ocorrerão sempre a partir do amplo debate com a comunidade e a partir dos importantes avanços apontados pelo PDI 2012/2016.

Esperamos, mais uma vez, que a comunidade se envolva nesse movimento e que possamos chegar ao fim desse processo com uma “direção” claramente definida.

 


 

FASE II - CONGRESSO INSTITUCIONAL[1]

Segunda parte do Projeto Político Pedagógico Institucional - PPPI

Local de Realização do Evento – Salão de Eventos do Umuarama Plaza Hotel
Rua 4, n.492, Setor Central, Goiânia-GO (em frente o Parthenon Center)

18/09 (Ter)

12h às 13h - ALMOÇO (para todos os delegados)

13h às 13h30 – Entrega dos crachás (para aqueles que não mais os possuírem)

13h30 às 19h – Discussões sobre as propostas do PPPI


19/09 (Qua)

8h30 às 12h30 - Discussões sobre as propostas do PPPI

12h30 às 13h30 – Almoço

13h30 às 19h - Discussões sobre as propostas do PPPI


20/09 (Qui)

8h30 às 12h30 - Discussões sobre as propostas do PPPI

12h30 às 13h30 – Almoço

13h30 às 19h – Conclusão das Discussões sobre as propostas do PPPI

19h às 23h – Retorno para as unidades

[1] Importante ressaltar que trata-se de uma “previsão” que pode ser alterada em virtude do andamento dos debates


 

Programação

 

FASES DO CONGRESSO INSTITUCIONAL

DATA

LOCAL

Fase I – Plenária Estatuto

25/06 a 29/06

Goiânia

Fase II – Plenária PPPI

18/09 a 20/09

Goiânia

Fase III – GTTG Pesquisa e GTTG Extensão

28/09

Câmpus Aparecida

Fase IV – GTTG Ensino

8/10 a 10/10

Câmpus Goiânia

Fase IV – GTTG Gestão

8/10 a 11/10

Fase V – Plenária PDI

05/11 a 09/11

Goiânia


 Documentos Institucionais


Documentos de Apoio ao Congresso Institucional

 


Caderno de Propostas

Abaixo estão relacionados os cadernos de propostas separados por eixo a ser discutido no congresso institucional. A publicização desses documentos antes da realização das votações tem o objetivo de possibilitar  a comunidade acadêmica o conhecimento das propostas que serão discutidas nesse evento institucional para que todos possam se fazer representar efetivamente, dialogando com os seus representantes locais sobre as propostas.

Conheça os documentos:

Caderno de Propostas Estatuto (.pdf 5805KB)

Caderno de Propostas PPPI (.pdf 4470KB)

Caderno de Propostas PDI - Ensino (.pdf 5740KB)

Caderno de Propostas PDI - Pesquisa (.pdf 5443KB)

Caderno de Propostas PDI - Extensão (.pdf 3809KB)

Caderno de Propostas PDI - Gestão (.pdf 5273KB)


Relação de Delegados

Abaixo estão relacionados todos os delegados separados por unidade do IFG. Consta na relação os e-mails institucionais de cada um, quando disponível. As unidades que não estão relacionadas abaixo ainda não enviaram à CCS a relação completa e os nomes serão atualizados conforme o envio.

 

Relação de delegados do câmpus Águas Lindas (.pdf 138KB)

Relação de delegados do câmpus Anápolis (.pdf 138KB)

Relação de delegados do câmpus Aparecida de Goiânia (.pdf 139KB)

Relação de delegados do câmpus Cidade de Goiás (.pdf 138KB)

Relação de delegados do câmpus Formosa (.pdf 140KB)

Relação de delegados do câmpus Goiânia (.pdf 187KB)

Relação de delegados do câmpus Goiânia Oeste (.pdf 137KB)

Relação de delegados do câmpus Inhumas (.pdf 139KB)

Relação de delegados do câmpus Itumbiara (.pdf 138KB)

Relação de delegados do câmpus Jataí (.pdf 139KB)

Relação de delegados do câmpus Luziânia (.pdf 141KB)

Relação de delegados da Reitoria (.pdf 140KB)

Relação de delegados do câmpus Senador Canedo (.pdf 139KB)

Relação de delegados do câmpus Uruaçu (.pdf 141KB)

Relação de delegados do câmpus Valparaíso (.pdf 138KB)

 

*As relações poderão sofrer atualizações até a data do congresso 


Cadernos de Votações

Os cadernos de votações, com o resultado das votações no Congresso Institucional serão postados até o dia seguinte em que a plenária concluir a apreciação do caderno, exceto no caso do PPPI, considerando que a primeira parte deste caderno foi avaliada na Fase I do Congresso e a segunda parte será avaliada na Fase II do Congresso. O Estatuto aprovado já foi encaminhado à avaliação da Procuradoria Federal junto ao IFG.

Confira o caderno de votações do estatuto (PDF 701KB).

Confira o caderno de votações do Projeto Político Pedagógico Institucional – PPPI debatido até a proposta 109. (PDF 751KB)

 


Vídeos Institucionais

 A Comissão Central Sistematizadora elaborou vídeos institucionais com a finalidade de apresentar de maneira mais didática e dinâmica o Congresso Institucional. Foram elaborados dois vídeos: um que é direcionado a toda a comunidade acadêmica e que resgata todo o processo de construção do congresso, bem como os próximos passos após a realização do mesmo; o segundo é direcionado mais especificamente aos delegados e descreve a dinâmica dos dias de realização do congresso. Acesse os vídeos e compartilhe: https://youtu.be/_xaYvyVABpU (direcionado aos delegados do Congresso) e https://youtu.be/x1PeVSxl41Y (voltado para a comunidade acadêmica em geral).

 

Vídeos das gravações dos dias de Congresso

Abaixo serão disponibilizadas as gravações das transmissões ao vivo de cada dia do Congresso Institucional do IFG. O vídeo do dia 27/06 será disponibilizado logo que seu processamento for concluído pela Diretoria de Tecnologia da Informação.

 

Vídeo do dia 25/06/2018

Vídeo do dia 26/06/2018

Vídeo do dia 27/06/2018

Vídeo do dia 28/06/2018

Vídeo do dia 29/06/2018

 


 

Reencaminhamento de propostas para outros fóruns de análise

 

Durante o processo de construção do congresso institucional, buscando proporcionar a oportunidade de participação a toda a comunidade acadêmica, foi disponibilizado canal de recebimento de propostas online em que servidores e alunos puderam apresentar sugestões de alteração, inclusão e supressão nos documentos institucionais.

Após o recebimento das propostas, estas foram debatidas em plenárias locais que tiveram autonomia para decidir entre: rejeitar a proposta ou encaminhar a proposta para apreciação do congresso institucional. As propostas aprovadas nas plenárias locais foram encaminhadas à Comissão Central Sistematizadora (CCS).

De posse dessas propostas a CCS teve o trabalho de sistematiza-las para construção dos cadernos de propostas, considerando os eixo de debate do Congresso Institucional, quais seja: Estatuto, PPPI, PDI/Ensino, PDI/Pesquisa, PDI/Extensão e PDI/Gestão. Durante essa sistematização, algumas propostas apresentadas não se encaixavam nos eixos a serem discutidos no Congresso Institucional pois abordavam outros temas, importantes à instituição e por este motivo não foram incluídas nos cadernos de propostas do Congresso Institucional, e sim reencaminhadas para outros fóruns de análise, conforme classificados a seguir:

Construção do Regimento do IFG – As propostas que tratam de criação ou exclusão de departamentos, funções gratificadas ou cargos de direção, atribuições dos departamentos da instituição, entre outros que são de natureza regimental deverão ser objeto de debate quando da construção do Regimento interno da instituição. Esse debate está em andamento, mas atualmente aguardando as deliberações do Congresso Institucional para que seja retomado. O Conselho Superior do IFG decidiu aguardar o fim do Congresso Institucional, por entender que antes de discutir o Regimento do IFG, que detalha a estrutura organizacional, era fundamental concluir a revisão do Estatuto Geral, que dentre outras questões, apresenta a estrutura organizacional básica do IFG.

Portanto, as propostas que tratam desses temas serão encaminhadas à Câmara Consultiva de Desenvolvimento Institucional, Gestão de Pessoas e Integração (CCDIGPI) do Conselho Superior que conduzirá o processo de construção desse documento.

Regulamentos Próprios – As propostas que tratam de temas que são objeto de regulamentos específicos e que demandam aprovação pelo Conselho Superior foram encaminhados à Secretaria do CONSUP para que este conselho, que conta com representações de todas as categorias da comunidade acadêmica, avalie o melhor encaminhamento. É importante ressaltar que os regulamentos existentes poderão ser alterados a partir de proposta dos próprios conselheiros, portanto, os proponentes podem acionar os representantes de sua categoria no Conselho Superior da Instituição para que estes também façam a defesa da proposta encaminhada.

Conflito de Competência – Algumas propostas possuem entraves quanto à competência institucional para agir. Isso porque o IFG, como uma autarquia, possui autonomia didático-pedagógica e administrativa, porém está submetido às normativas e instrumentos de gestão a Administração Pública Federal como um todo. É, ainda, vinculado ao Ministério da Educação e a agência institucional em determinados aspectos é limitada. Portanto, propostas em que a instituição não possui competência para agir foram encaminhadas ao Gabinete da Reitoria para que este faça gestão junto aos ministérios e demais órgãos competentes no sentido de viabilizar o atendimento aos anseios da comunidade acadêmica.

Propostas de Âmbito Local – Algumas propostas apresentadas tratavam de temas cuja abrangência era exclusivamente local. Portanto, estas não poderiam ser incluídas em documentos que são de natureza institucional e que serão debatidas por toda a comunidade do IFG no Congresso Institucional. Essas propostas foram devolvidas às comissões locais organizadoras, para que estas avaliem o tratamento mais adequado para estas no âmbito de cada câmpus.