Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeites

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Gestão Ambiental

Plantio de mudas e palestra sobre crise ambiental marcam Semana Nacional do Meio Ambiente

Também foi apresentado hoje um ponto de coleta de resíduos eletrônicos no câmpus

  • Criado: Quarta, 06 de Junho de 2018, 18h04
  • Última atualização em Domingo, 17 de Junho de 2018, 11h27
Professores Renato e Benjamim na abertura da palestra
Professores Renato e Benjamim na abertura da palestra

Nesta quarta-feira, 6 de junho, diferentes atividades no IFG-Câmpus Inhumas marcaram a Semana Nacional do Meio Ambiente. Logo pela manhã, alunos e servidores plantaram dez mudas de árvores na parte interna do câmpus (quatro mudas de Ipê-Branco e seis de Oiti). No período vespertino, o professor convidado Benjamim Pereira Vilela, do IFG-Câmpus Senador Canedo, ministrou a palestra Crise Ambiental - Um Complexo Dilema. As ações foram realizadas com o objetivo de destacar a importância da preservação e do cuidado com o meio ambiente.

Além disso, numa segunda fase do projeto de Gestão Ambiental do Câmpus Inhumas, iniciado em abril com a utilização de uma composteira, foi apresentado hoje um ponto de coleta de resíduos eletrônicos que ficará disponível no câmpus. "Quando fiz o levantamento de informações sobre as práticas do descarte de resíduos com os servidores, não consegui identificar nenhum local em Inhumas que recolhesse e tratasse adequadamente resíduos eletroeletrônicos. Com esta demanda, fiz contato com uma empresa (especializada em logística reversa e com licença ambiental) que se dispôs a instalar um ponto de coleta aqui. A empresa ficou responsável por trazer o recipiente para recolher os resíduos e buscá-lo quando estiver cheio. A direção-geral do câmpus, então, autorizou a instalação do recipiente", explica a servidora Milena Bruno Henrique Guimarães, uma das responsáveis pelo projeto de Gestão Ambiental.

Recipiente para coleta de resíduos eletrônicos
Recipiente para coleta de resíduos eletrônicos

O professor Benjamim Vilela, que veio ao câmpus convidado pelo professor de Geografia Renato Araújo Teixeira, destacou, durante sua palestra, que a crise ambiental se evidencia em nosso cotidiano. "Quando falamos de problemas ambientais, falamos de problemas complexos. Uma sociedade que aposta, por exemplo, em modelos energéticos falidos é uma sociedade de risco. Os estudos apontam que 60% dos ecossistemas do planeta já estão destruídos ou seriamente deteriorados", afirmou.

Projeto

Dentro do projeto de Gestão Ambiental do câmpus, desde abril, estão em funcionamento a composteira e 16 pontos de coleta de material reciclável nos setores administrativos. A composteira começou a ser utilizada recebendo resíduos orgânicos (cascas e restos de frutas, verduras, legumes, sachês de chá sem etiqueta e borra de café) produzidos pelos servidores técnico-administrativos. Todo o material coletado nas últimas semanas ainda está sendo calculado, mas já foi possível identificar 1,5 litro de biofertilizante (parte líquida do composto) a partir da vermicompostagem.    

 

 

Fim do conteúdo da página